quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Brioche Maison com Caramelo Toffee!

Assistindo um dos episodio de Unique Sweets (um programa americano do qual falei no post anterior), vi essas briochinhas feitas pela Flour Bakery de Boston e fiquei apaixonada! Imaginei que seriam deliciosas e resolvi experimenta-las, no modo de assar, pois a receita da massa deles eu nao  tenho, entao peguei a receita da massa neste site, de um chef frances chamado Damien e as preparei. Confesso que pensei que iria falir, pois no video a massa nao parece tao mole quanto era a minha (socorro!!!!), maaaaaaaaas fui adiante e sorpresa, sorpresa: deu tudo certo e ficaram incrivelmente macias!!!! Pareciam uma nuvem! Na parte superior se sente o crocante formado pelo açucar com a canela e no fundo a doçura (meio salgada) do caramelo salgado, receita de um outro chef frances, Vincent Gadan, de Masterchef Australia. Na duvida deixei algumas sem nada  (nem açucar, nem canela e nem caramelo) e a experimentei com um pouco de manteiga... bom demais!
Experimentem, voces irao amar a receita!
 
Caramelo Salgado:
Receita aqui
Nota: coloquei meia colherzinha de sal (menos de 5 g), pois a minha intençao era de quebrar um pouco a doçura dele e ficou otimo!
 
Ingredientes para as brioches: (como era um experimento so fiz metade da receita que dao 12 briochinhas, mas coloco a receita completa)
15 g de fermento fresco
30 g de leite
4 ovos
300 g de farinha
10 g de sal
40 g de açucar
150 g de manteiga
 
e mais: (quantidade de ingredientes para as 12 briochinhas)
50 g de manteiga derretida
5 colheres de açucar + 3 colherzinhas de canela em po (mistura-los)
Modo de preparar:
Dissolver o fermento no leite e acrescentar os ovos batidos; misturar a farinha com o sal e o açucar; colocar na planetaria ou batedeira os ingredientes liquidos e secos, alternando um pouco de um e do outro até terminar e somente entao, ligar o motor e deixar misturando até amalgamar tudo; acrescentar a manteiga dividida em cubos e deixar amalgamar ao resto; cobrir a tigela com a massa com filme plastico e deixar crescer por 45 minutos; mexer a massa com uma espatula por uns segundos e coloca-la no filme plastico, embrulhando como um pacote e colocar na geladeira por 2-3 horas; formar bolinhas do tamanho de um ovo pequeno (è necessario ajudar-se com um pouco de farinha para formar as bolas), mergulhar na manteiga derretida, passar no açucar com canela e colocar em cada cavidade da forma para muffins, (colocar 1 colherzinha de caramelo em cada cavidade antes de colocar as bolinhas de massa);
 
 
deixar fermentar até dobrar de tamanho e assar em forno pré-aquecido a 190°C por uns 15 minutos.
 
 
Retirar da forma quando ainda estao quentes, antes que o caramelo endureça.
 
 
Deliciosos!!!!!
Buon appetito!
 
 
 
 
 

sábado, 6 de setembro de 2014

Donuts! - com Glasse de Chocolate e de Xarope de Acer

Depois de assistir a um episodio de um programa que aqui na Italia se chama Dolci da Sogno (o original americano se chama Unique Sweets, e mostra diversas confeitarias de sucesso nos EUA que produzem doces particulares e deliciosos, de todos os tipos), me deu vontade de fazer esses donuts, em uma forma que nunca tinha visto antes, retangulares ,e cobertos de uma glasse com xarope de acer (para a minha filha fiz com a glasse de chocolate) e que fazem um enorme sucesso em uma confeitaria de Seattle, se nao me engano.
Os donuts sao uma das preparaçoes que mais gosto de fazer entre os doces fermentados. Ja fiz varias receitas e esta eu peguei no meu "livrinho" com mais de 200 receitas de doces com chocolate.  Tinha ja um tempinho que queria comprar este xarope, mas o preço salgado e o nao saber o que fazer, além de pancakes me freiavam, mas finalmente o comprei e o experimentei. A massa nao poderia ser mole como esta de Donna Hay, que fiz recentemente, mas deveria ser uma massa que eu pudesse abrir sem adiçao de mais farinha e esta me pareceu adequada e realmente assim foi! A massa ficou perfeita e o doce delicioso!
Experimentem!
 
 
 
Ingredientes:
400 g de farinha de trigo
80 g de açucar
1 ovo
50 g de manteiga
125 ml de leite
1 colherzinha rasa de uma mistura de especies: canela, noz-moscada e cravo
Metade de um envelope de fermento seco para pao
Uma pitada de sal fino
 
Aquecer o leite com a manteiga e o açucar até dissolver tudo e deixar amornar (coloquei metade de uma fava de baunilha também durante esse processo); colocar na tigela da batedeira ou planetaria a mistura de leite ja morna e acrescentar o ovo; acionar o motor e colocar a farinha com o fermento e as especies, deixando misturar tudo até ficar bem amalgamando (uns 10 minutos); sovar a massa com as maos por uns 5 minutos e colocar em uma tigela unta de manteiga e cobrir com um filme plastico; colocar no forno desligado por umas 2 horas; abrir a massa com um rolo de madeira em uma espessura de 1 cm e cortar a massa em retangulos de 10x5 cm; coloca-los distanciados em uma placa unta e...
 
                
 
... deixar dobrar de volume;  fritar os donuts em oleo de amendoim até dourar dos dois lados; deixar esfriar antes de decorar com a glasse de xarope de acer e de chocolate.
Nota: a receita diz para fazer donuts redondos com um buraco no meio, mas eu preferi fazer deste modo, pois nao sobra massa e ficam todos na mesma medida. (ou quase...)... os olhos também querem a sua parte! :)
 
Glasse de Xarope de Acer:
(livro de receitas MUFFIN E DOLCETTI)
125 g de açucar de confeiteiro
2 colheres de xarope de acer
1 colher de manteiga
 
Misturar os ingredientes em um recipiente resistente ao calor, em banho-maria, até amalgamar bem tudo; a receita diz para espalmar a glasse, mas eu queria que ela fosse mais fluida, entao acrescentei 2 colheres de agua; cobrir com a glasse preparada uma das superficies dos donuts, quando a glasse ainda esta morna, pois tende a endurecer (caso aconteça, basta deixa-la no banho-maria de novo por alguns minutos e da para cobrir os donuts sem problema.
 
Glasse de Chocolate:
120 g de chocolate meio amargo
120 g de açucar de confeiteiro
6 colheres de agua
 
Derreter o chocolate em banho-maria; acrescentar o açucar e a agua e misturar energicamente; usar a glasse ainda morna para cobrir uma das superficies dos donuts (porque endurece um pouco quando esfria, entao para amolece-la basta voltar ao banho-maria).
 
Buon appetito!  
 

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Tortinhas de Chocolate, Coco e Cerejas

Desculpe-me a falta de originalidade com a combinaçao da fruta nos doces que tenho feito, pois ultimamente uso sempre as cerejas (guardei uns 6 sacos com meio kg, mais ou menos, no freezer!!!), mas aproveitando a visita de uma carissima amiga, a Marta, fiz estas tortinhas cuja receita peguei em um dos meus livros de culinaria, cheio de receitas de doces (a minha perdiçao!), e era a unica fruta disponivel em casa e com ela sei que nao erro, entao acabei preparando-o. Pois bem, peguei a receita de uma torta de chocolate, coco e cerejas e ao invés de fazer uma de 23 cm resolvi fazer em mono porçoes, mais facil para servir. E para enquice-la preparei uma glasse de chocolate deliciosa e creme chantilly e servi também com algumas cerejas caramelisadas. A minha amiga adorou, saboreando cada colherada fazendo um elogio ao doce! Sucesso total! :) 



Ingredientes para as tortinhas (para 6 tortinhas):
100 g de chocolate meio amargo
125 g de manteiga
70 g de açucar mascavo
1 colherzinha de extrato de baunilha
75 g de farinha de trigo com fermento
25 g de coco ralado
1 ovo
90 g de cerejas sem caroço (as caramelisei antes de adiciona-las à massa)

Modo de preparar:
Derreter o chocolate com a manteiga em banho-maria e reservar até ficar morno; bater com o mixer o açucar com o ovo e o extrato de baunilha, até dobrar de volume; misturar os ingredientes secos e adiciona-los ao composto de ovos e açucar, juntamente com o de chocolate e misturar tudo cuidadosamente com uma espatula; acrescentar as cerejas cortadas grosseiramente e mistura-las ao composto; dividir a massa nas 6 forminhas untas de manteiga e polvilhadas com farinha de trigo (coloquei um disco de papel manteiga no fundo de cada forminha antes de polvilhar com a farinha de trigo, o que è uma maravilha porque nao gruda nem um pouquinho de massa e a tortinha fica perfeita!) e assar a 160°C por 35-40 minutos.
 
Cerejas caramelisadas:
Coloquei numa panela 2 colheres de açucar e 1 de agua e deixei formar um caramelo de cor clara; acrescentei as Cerejas e deixei cozinhando por alguns minutos; acrescentei 1 colher de brandy e deixei mais um minuto no fogo; desligar o fogo e deixar esfriar.

Glasse de Chocolate:
125 ml de creme de leite fresco
150 g de chocolate derretido
32 g de glucosio
20 g de manteiga
 
Aquecer o creme de leite e, fora do fogo, acrescentar os outros ingredientes; com um mixer bater tudo até ficar bem homogeneo. Deixar esfriar antes de cobrir as tortinhas com a glasse.
E com uma colherada de creme de leite e algumas cerejas caramelisadas, è pronto para servir!
Buon appetito!
 


 

sábado, 23 de agosto de 2014

Polpettone alla Parmiggiana de Giada de Laurentiis


Assistindo ao programa de culinaria de Giada de Laurentiis, de quem ja falei neste post, vi esta receita de polpettone e me pareceu uma maravilha, entao anotei os ingredientes e o fiz aqui em casa. E' diferente do que faço normalmente e adorei o modo como ela o elaborou e combinou com uma verdura, a beringela, e acrescentou a mussarela em cima. Uma delicia! Aprovado!
Vamos à receita:



Ingredientes para o Polpettone:
1/2 cebola picada
1 dente de alho, picado
1 ovo (à temperatura ambiente)
1 colher de molho de tomates
3 a 4 folhas de manjericao picadas
20 g de farinha de rosca (melhor triturar finamente um pao velho no momento de preparar o polpettone e nao usar a farinha de rosca compradas no supermercado, pois tem um sabor natural)
40 g de parmezao ralado
450 g de carne de boi novo triturada
 
E mais:
1 beringela em rodelas
Molho de tomates
100 g Mussarela fresca ralada
 
Modo de preparar:
Misturar todos os ingredientes para o polpettone em uma tigela, misturando tudo com as maos para amalgamar melhor; forrar uma forma retangular com papel manteiga e colocar a carne temperada na forma distribuindo bem, deixando-o com uns 2 cm de altura, mais ou menos; assar em forno pré-aquecido a 180°C por uns 20 minutos;
 
 
enquanto isso, fritar as rodelas de beringela em umas 4 colheres de azeite de oliva dourando dos dois lados e apoiar sobre um papel absorvente para enxugar um pouco; para ficar mais facil ralar a mussarela, deixa-la no congelador por uns 15 minutos; retirar o polpettone do forno e arrumar as rodelas de beringela sobre toda a superficie, colocar um pouco de molho de tomates e sobre este um pouco de mussarela sobre cada umas delas e colocar de novo no forno por mais 5 minutos.
 
 
Passados os 5 minutos, retirar do forno e pode ser servido imediatamente. Uma delicia!
Buon appetito! 
 
 

 

sábado, 16 de agosto de 2014

Torta de Chocolate de Gary Mehigan

Quando comecei a assistir Masterchef Australia, o juiz que menos sentia simpatia era Gary Mehigan, mas aos poucos ele foi me consquistando e hoje è o meu preferido, pois descobri o quanto ele adora doces, como eu, e os faz com frequencia nas masterclasses, realizando sobremesas deliciosas e muitas delas nada dificeis de fazer, como este bolo. Esta receita eu vi em um video aqui e anotei porque queria experimentar esta delicia. Um bolo de chocolate super macio, uma ganache deliciosa e um creme branco com mascarpone (quem tiver dificuldade em encontrar este queijo poderà substituir com philadelfia, pois a consistencia è a mesma). Ele combinou tudo isso com laranjas caramelisadas e outros ingredientes que nao usei, pois substitui as laranjas pelas cerejas que tinha congelado na primavera. Tudo delicioso e em harmonia, fez um sucesso aqui em casa!
Experimentem!


Ingredientes para o bolo de chocolate: eu fiz 2/5 da receita usando uma forma redonda de 18 cm e sabem como faço para calcular? Tomo como base o numero de ovos, entao na receita dele pede 5 ovos, entao basta dividir tudo por 5 e multiplicar por 2, com exceçao do fermento que nao faço assim e uso sempre uma quantidade baseada na minha experiencia dos inumeros bolos feitos). Colocarei as quantidades que usei, e quem quiser fazer uma torta grande como a dele, melhor anotar as quantidades da receita que estao no link que coloquei acima.
72 g de chocolate meio amargo picado
56 g de manteiga
2 ovos  (separar as gemas das claras)
5o g de açucar (usei o mascavo)
1/2 colher de chocolate em po'
36 g de farinha de trigo (eu uso a de farro, mais nutritiva e rica)
1 colherzinha de cremor tartaro
1/2 colherzinha de bicarbonato de sodio
 
Modo de preparar: preparei o bolo com antecedencia de um dia, è mais comodo e pratico antes de rechea-lo.
Derreter o chocolate em banho-maria e quando esta derretido desligar o fogo e acrescentar a manteiga amalgamando os dois; deixar esfriando e enquanto isso, montar a neve as claras com o açucar; acrescentar as gemas à mistura de chocolate derretido e misturar bem tudo; peneirar os ingredientes secos; acrescentar às claras em neve os ingredientes secos peneirados e a mistura de chocolate e mexer cuidadosamente com uma espatula até amalgamar tudo muito bem; forrar a forma (a minha é de 20 cm de diametro) com papel manteiga e colocar o composto; assar em forno a 180°C por uns 20-25 minutos; deixar o bolo esfriar bem antes de corta-lo em dois discos e rechea-lo.
 
Ganache de Chocolate:
100 g de chocolate meio amargo picado
16 g de manteiga
100 g de creme de leite fresco
Aquecer o creme de leite e coloca-lo na vasilha com o chocolate picado e a manteiga e mexer até que fique tudo bem amalgamado; deixar esfriar.
 
Creme de Mascarpone:
100 g de mascarpone
100 g de creme de leite
Montar os dois com um batedor eletrico até montar um pouco; reservar na geladeira até o momento de rechear a torta.
 
Cerejas caramelisadas:
200 g de Cerejas sem caroço
2 colheres de açucar
2 colheres de agua
1 colher de brandy
Colocar o açucar e a agua numa panela e deixar dissolver todo o açucar: acrescentar as cerejas e deixa-las cozinhando até a calda começar a engrossar; acrescentar o brandy e deixar por mais 1 minuto para evaporar o alcool; desligar o fogo e deixar esfriar (pode ser preparado com antendencia também).
 
Recheando a torta:
Colocar o primeiro disco de bolo sobre um prato de servir e molhar com um pouco da calda das cerejas; colocar metade da ganache e espalmar sobre o bolo; acrescentar metade do creme de mascarpone e espalmar cuidadosamente; cobrir com o outro disco de bolo e molhar com a calda das cerejas; repetir a operaçao com a ganache o creme; acrescentar as cerejas caramelizadas no centro da torta. Muito simples mas de intenso sabor!
Buon appetito!
 
  
 

domingo, 3 de agosto de 2014

Bomboloni com Creme de Chocolate e Baunilha

O bombolone aqui na Italia sao os chamados sonhos no Brasil, e a massa è a mesma dos donuts, so que estes tem um buraco no meio e os bombolones nao. Fiz a receita de Donna Hay, do livro Classici Moderni 2 e confesso que fiquei em duvida do sucesso da operaçao porque a massa fica meio mole, mas no final deu tudo certo (acrescentei farinha para trabalha-la, senao ficaria tudo grudado nas maos!) e o resultado foi um bombolone super macio e delicioso! Fiz um creme de baunilha para acompanhar, mas como sou doida por chocolate, acrescentei dois punhados de gotas de chocolate na metade do creme de baunilha ainda quente e mexi até derreter todo o chocolate. Que maravilha esses sonhos! Minha filha me disse depois que deu a primeira mordida: "Mamma! Os juizes de Masterchef iriam adorar!" KKKKK Ela também adora assistir Masterchef Australia! Ah, e a idéia desses sonhos com o creme eu peguei quando assisti um dos episodios do programa Weekend com Giada (a chef autora desta receita), nao me lembro mais em que cidade americana, e serviram sonhos com um creme de baunilha como sobremesa. Entao anotei a idéia e a executei. Uma maravilha!
 


Ingredientes para os bombolones:
4 colherzinhas de fermento seco para pao
60 ml de agua morna
250 ml de leite morno
3 colheres de açucar
100 g de manteiga derretida
570 g de farinha de trigo
3 ovos
oleo de amendoim para fritar
225 g de açucar branco e 1 colherzinha de canela em po (eu coloquei umas 2 colherzinhas)

Modo de preparar:
Colocar em uma vasilha o fermento com 1 colher de açucar, a agua e o leite e deixar à parte por uns 10 minutos. O composto formarà uma espuminha na superficie, indicando que o fermento è ativo.
Adicionar a manteiga, a farinha e o restante do açucar e misturar com um garfo até formar uma massa pegajosa. Transferir a massa para uma tigela unta de manteiga e deixar a massa descansar por uns 45 minutos ou até dobrar de volume. Colocar a massa na bancada enfarinhada e trabalha-la com as maos por alguns minutos (foi neste ponto que acrescentei mais farinha, somente o suficiente para conseguir trabalha-la e estende-la com o rolo de madeira). Estender a massa até obter 1 cm de altura e com um aro redondo de 8 cm, modelar os discos de massa e coloca-los na placa do forno forrada com papel manteiga. Deixar descansar por uns 30 minutos ou até dobrar de volume.

                                                    

Fritar no oleo de amendoim e coloca-los sobre um papel absorvente quando estao prontos. Ainda quentes, pulverizar com a mistura de açucar e canela.



Creme de Baunilha: esta receita è de um chef italiano que admiro muito, Cristian Bertol, tirada de uma revista onde ele deu a receita do strudel de maças com creme de baunilha.
300 ml de leite (usei metade leite e metade creme de leite fresco)
3 gemas
3 colheres de açucar
20 g de fécola de batata
1 fava de baunilha

Cortar a fava ao meio e raspar as sementes. Colocar no leite e aquecer sem deixar ferver. Bater as gemas com o açucar até misturar bem. Acrescentar a fécola de batata e misturar. Acrescentar o leite aos poucos sempre misturando bem e levar de novo ao fogo, baixo, mexendo sempre até pegar um pouco de consistencia. Retirar do fogo e deixar esfriar. Eu coloquei dois punhados de gotas de chocolate em metade do creme e obtive 2 sabores.
Com o creme frio, basta somente mergulhar uma parte do bombolone nele e degustar essa delicia!!!!!
Buon appetito!



 

sexta-feira, 1 de agosto de 2014

Baileys Cupcake com topping de Creme ao Café

Bateu a vontade de fazer e comer cupcakes novamente e escolhi a receita de um cupcake do meu livro de Muffin e Dolcetti, acrescentando o licor por minha conta. Acrescentei o licor no creme também. O alcool nao se sente e da um sabor delicioso a tudo! Receita aprovadissima e sem mais delongas ai vai a receita :)
Experimentem!



Ingredientes para os bolinhos:
185 g de manteiga, à temperatura ambiente
125 g de açucar mascavo
2 ovos
155 g de farinha com fermento
50 ml de leitelho
50 ml de Baileys

Modo de preparar:
Colocar uma forminha de papel em cada cavidade de 2 formas para muffins (total 24 cupcakes) e reservar; bater a manteiga com o açucar até ficar homogeneo. Acrescentar os ovos, um de cada vez, batendo bem a cada adiçao; acrescentar a farinha alternando com o leitelho e o licor, até terminar todos os ingredientes; colocar uma porçao de massa (eu uso a paleta redonda de sorvete, assim vem todos do mesmo tamanho) em cada forminha e assar em forno ja quente a 150°C por 20-25 minutos.
Deixar esfriar antes de decorar.

Creme ao Café e Baileys
1 e 1/2 colherzinha de café soluvel, dissolvido em uma colher de agua quente
2 colheres de Baileys
125 g de manteiga
185 g de açucar de confeiteiro
1/2 colherzinha de extrato de baunilha
2 colherzinhas de leite

Modo de fazer:
Bater a manteiga com o açucar até ficar cremoso e homogeneo. Acrescentar o extrato de baunilha, o café dissolvido e o Baileys, batendo até ficar bem cremoso. Colocar na geladeira por uma meia hora antes de decorar os bolinhos.
Buon appetito!